Pular para o conteúdo principal

PRIMEIRO CONGRESSO INTERESTADUAL DOS PROFISSIONAIS DE TELEMARKETING


DESAFIOS E PERSPECTIVAS DE UM SETOR EM VIGOROSO CRESCIMENTO E EM VIAS DE EXTINÇÃO. DE 23 A 27 DE JULHO DE 2009, EM BARRA DO PIRAÍ - RJ.


Programação – 23/07/2009

FÓRUM DE DEBATES
Regulamentação e valorização profissional do operador de telemarketing versus lei que cria o Cadastro Estadual para Bloqueio do Recebimento de Ligações de Call Centers. Como contornar esta contradição?

PALESTRA DO DIA
O best-seller “O Segredo” e a Lei da Atração aplicados aos Call Centers e afins. O verbo vender dando sentido à vida e fundamento ao universo.

Coffe-break

MESA REDONDA
A lei que estabelece em 60 segundos o tempo máximo de espera para atendimento telefônico nos SACs.
“Um minuto de tolerância não é atendimento. É gincana, meu rei” – Depoimento de Carlinhos Girafanti, atendente em Salvador – BA.


Programação – 24/07/2009

FÓRUM DE DEBATES
Gerundismo: promovendo o controle eficaz do vício. Estaremos discutindo, debatendo, analisando e propondo alternativas para os compulsivos. Workshop com demonstração prática de casos crônicos com animadoras perspectivas de regeneração.

PALESTRA DO DIA
Crise econômica mundial: vamos fazer uma limonada com este limão. O desemprego crescente significa mais gente em casa para atender o telefone, e é preciso que o profissional do setor saiba tirar proveito desta preciosa oportunidade.

Break sem coffee (efeito da crise)

MESA REDONDA
O “tu-tu-tu” x a revolucionária tática “sim-sim-sim”: saiba porque concordando três vezes consecutivas com seus argumentos as chances de fechamento de negócio são 96% maiores.


Programação – 25/07/2009

FÓRUM DE DEBATES
O método “Vendendo pelo Cansaço” e seus 8 passos: abordagem, apresentação, explanação, argumentação, chateação, apelação, insistência e rendição.

PALESTRA DO DIA
Novas tecnologias: 72 músicas de espera inéditas para o seu negócio, incluindo “Bilu Teteia”, “A velha debaixo da cama” e aquela uma do Gonzaguinha.

Coffee-break:
Para café puro, tecle 1
Para suspirinho de padoca, tecle 2
Para bolacha com goiabinha no meio, tecle 3
Para suco aguado com sanduíche de metro de anteontem, tecle 4
Para voltar ao menu principal, tecle 5

MESA REDONDA
Profissional de telemarketing também é gente: como reclamar ao PROCON se o sujeito que atende o telefone desrespeita o seu direito de insistir.


Programação – 26/07/2009

FÓRUM DE DEBATES
Exibição de documentário sobre o call-center da Golden Selecta Minnesota Trading, que instituiu a jornada ininterrupta de 72 horas com administração intravenosa de nutrientes substituindo as pausas para refeições e, consequentemente, as posteriores necessidades fisiológicas.

PALESTRA DO DIA
Vendendo Fanta Uva como quem vende Coca-Cola: ao contrário do que se pensa, esquimós compram geladeiras. E estão ávidos por novos modelos.

Coffee-break

MESA REDONDA
Tele-assédio sexual: lidando profissionalmente com as inevitáveis “cantadas”.
Situações adversas: procedimentos a serem adotados quando o dono da linha diz que o dono da linha está pescando em Mato Grosso e só volta daqui a 3 meses.


Programação – 27/07/2009

FÓRUM DE DEBATES
Televendas com ligação tarifada: quando deixar o cliente esperando é mais negócio para a empresa.

PALESTRA DO DIA
Ocorrências extremas: mantendo a serenidade e a polidez quando o interlocutor sugere tomar bem no meio do olho de determinada parte anatômica. Descrição de um case de sucesso que terminou em casamento, com a presença e o testemunho dos nubentes.

MESA REDONDA DE ENCERRAMENTO, COM ENTREGA DOS CERTIFICADOS DE PARTICIPAÇÃO.
© Direitos Reservados

Comentários

  1. Marco Antonio Rossi4:17 AM

    vale a pena a ultima proposta em várias situações.......
    muito bom
    Abraço
    Rossi

    ResponderExcluir
  2. Filipe Moretzsohn4:18 AM

    Seu texto é muito importante para nós!!Muito bom esse, hein? Abrs,Filipe

    ResponderExcluir
  3. Felipe Dumont7:29 AM

    mto bom.
    rs
    Abraço.

    ResponderExcluir
  4. Adriano Neves8:25 AM

    Éééééééé, só um minutinho senhor Marcelo!!!!!! O seu texto é muito importante pra nós.....

    Tá muito bom isso cara!!! Essa frase: "O dono da linha diz que o dono da linha está pescando em Mato Grosso e só volta daqui a 3 meses." Quem não fala isso pro nego não?

    Show de bola!

    Abraço!

    Adriano

    ResponderExcluir
  5. Marcelo, meu caro, só o seu texto engraçado pra aliviar a tristeza com o meu Tricolor. Muito bom! e conto um fato real: um primo, percebendo que o telefonema fora de hora vinha de uma administradora da cartões de crédito, começou a bufar e gemer no telefone dizendo que a operadora estava interrompendo prazeres de alcova. a moça desligou sem se desculpar, tal o constrangimento. e o pior é que era verdade, ele e a esposa estavam no bem-bom mesmo!

    ResponderExcluir
  6. Ana Maria5:29 PM

    muito bom, Marcelo muito inteligente e sarcaz! beijo

    Ana Maria

    ResponderExcluir
  7. Marcelo Dellova6:04 AM

    GENIALLLLLLLLLLLLLLLLLLLL.......

    ResponderExcluir
  8. Evelyne6:27 AM

    Sim.Sim.Sim. Continue escrevendo com esse talento que estarei me deliciando. lendo, e me encantando, com sua criatividade e humor particular. senhor.Excelente, Marcelo! Beijos e ótima semana, meu amigo.

    Evelyne

    ResponderExcluir
  9. Milena8:43 AM

    Arrasou di novo Marceleza!!!!!!!!!!!!!!! ahahahahaha acho que vou estar passando mal de tanto rir!rs

    beijinhos,
    Mi

    ResponderExcluir
  10. Sandra Nogueira8:44 AM

    Marcelo, amigo querido, posso estar indo ao congresso? Você pode estar fazendo minha inscrição? Estou tentando, buscando, aprendendo, insistindo. Será que com os ensinamentos vou estar reagindo e aceitando a nova lei?
    beijos corintianos e uma braço mkteiro
    Sandra

    ResponderExcluir
  11. Marcelo, você me fez lembrar dos malditos treinamentos dos anos 90, quando criaram aquela "meleca" de qualidade total, o cliente sempre tem razão, etc.
    Lembro-me que tinha naquela época os caras saiam dos treinamentos tontos e vendiam até a mãe e eu ficava muito furiosa, pois além de tudo tinha aquelas músicas da Enya para deixar os neguinhos moles...
    Hoje já não tenho raiva da Enya, afinal só o tempo apaga aqueles traumas...ahahahah
    Grande abraço e sucesso!!!

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

A CAPITAL MUNDIAL DO BILBOQUÊ

Para os menores de 30, é natural não conhecê-lo. Então comecemos por uma sucinta porém honesta definição.

Bilboquê: originário da França, há cerca de 400 anos, foi o brinquedo favorito do rei Henrique III. Consiste em duas peças: uma bola com um furo e um pequeno bastão, presos um ao outro por um cordão. O jogador deve lançar a bola para o alto e tentar encaixá-la na parte mais fina do bastão. (fonte:www.desenvolvimentoeducacional.com.br).

Mais do que um brinquedo, Bilboquê é o nome de uma cidade, localizada a noroeste da pacata estância de Nhambu Mor. Chamada originalmente de Anthero Lontras, foi rebatizada devido ao número desproporcional de habitantes que fizeram do bilboquê a razão de suas vidas, dedicando-se ao artefato em tempo integral (incluindo-se aí os intervalos para as necessidades fisiológicas).

A tradição se mantém até hoje, ganhando novos e habilidosos adeptos. Nem bem raia o dia na cidade e já se ouvem os toc-tocs dos pinos tentando encaixar nas bolas. Uma distinção se…

SANTA LETÍCIA

Letícia, em seu compartimento estanque, se bastava. Vivia debaixo de uma campânula guardada por um querubim estrábico, numa imunidade vitalícia às dores do parto, à lavagem da louça, às filas nas repartições e à rabugice dos maridos sovinas e dominadores. “Façam o que quiserem, contanto que poupem a Letícia” era o veredito invariável sob qualquer pretexto e em qualquer ocasião, naqueles sítios de lagartos e desgraças.
Nada que se comparasse àquela que chamavam de Letícia, e que raras vezes se afastava de seus cães e de sua coleção de abajures. Era o tesão das rodas regadas a cerveja. Era a inveja e o assunto nos salões de beleza. Era o exemplo de virtude no sermão do padre, que botava as duas mãos no fogo do inferno e uma terceira se tivesse pela sua inteireza de caráter.
Assim a vida corria daquele jeito de costume, com a cidade a lhe estender tapetes, a lhe levar no colo e a lhe cobrir de afagos, soprando-lhe o dodói antes que se machucasse. Passou a ser o tema das redações escolares …

ESTRANHA MÁQUINA DE DEVANEIOS

Habituais ou esporádicos, todos somos lavadores de louça. Lúdico passatempo, esse. Sim, porque ninguém vai para a pia e fica pensando: agora estou lavando um garfo, agora estou enxaguando um copo, agora estou esfregando uma panela. Não. Enquanto a água escorre e o bom-bril come solto, o pensamento passeia por dobrinhas insuspeitas do cérebro. Numa aula de história, em 1979. O professor Fausto e a dinastia dos Habsburgos, a Europa da Idade Média e seus feudos como se fosse uma colcha de retalhos. O Ypê no rótulo do detergente leva ao jatobazeiro e seu fruto amarelo de cheiro forte, pegando na boca. Cisterna sem serventia. Antiga estância de assoalhos soltos. Rende mais, novo perfume, fórmula concentrada com ação profunda. A cidade era o fim da linha, literalmente. O trem chegava perto, não lá. Trilhos luzindo ao meio-dia. Inertes e inoperantes. As duas tábuas de cruzamento/linha férrea dando de comer aos cupins. Crosta de queijo na frigideira, ninguém merece. Custava deixar de molho? A…