Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Dezembro, 2014

REWIND TURBO MAGIC

Dias idos agora voltam: a ciência atesta e dá fé. Nosso produto é seu visto de entrada no reino dos tempos lindos, aqueles que deviam ser proibidos de não existirem mais.
Mantenha o aparelho junto ao corpo e aperte o power. Nenhum ajuste será necessário, a menos que não se acendam os leds indicadores após três minutos de conexão à tomada. É importante que o usuário não oponha resistência, forçando a permanência no presente mesmo que de forma inconsciente. Tal comportamento irá consumir, em minutos, toda a carga da bateria.
Em observância à legislação vigente, asseguramos a integridade física do usuário durante o trajeto, mas não nos responsabilizamos pelas consequências dos atos praticados enquanto permanecer em outras dimensões do tempo/espaço.
Intoxicações por comida estragada, eventualmente observadas no retorno, não serão cobertas pela garantia. Portanto, recomendamos que não coma nada enquanto estiver por lá - seja lá onde e quando for. Contenha o apetite, por mais delicioso q…

A SÍNDROME DOS LIVROS ILEGÍVEIS

O DESBOTAMENTO Como muitas das desgraças desse mundo, a síndrome dos livros ilegíveis foi se instalando de forma silenciosa e quase despercebida. Quando os títulos dos volumes começaram a sumir aos poucos das lombadas, muitos não deram importância, atribuindo o fenômeno à luz do aposento, à vista cansada ou algo do gênero. A manhã do dia seguinte invalidaria essas hipóteses, revelando que nada é tão ruim que não possa ser pior.
TODO LIVRO É QUALQUER LIVRO Das pequenas estantes domésticas às prateleiras das grandes bibliotecas, os livros foram todos se tornando indistintos. Era preciso abri-los e iniciar a leitura para identificar a obra. Mas a desgraça maior viria algumas horas mais tarde: relatos de todas as partes do mundo informavam o gradativo desaparecimento dos textos, transformando os livros em cadernos de anotações, com centenas de páginas em branco.
AS TENTATIVAS INFRUTÍFERAS Pensavam alguns abnegados que, enquanto houvesse um pálido traço de letra antes do inevitável apagamento…

CVVSV - CENTRO DE VALORIZAÇÃO DA VIDA DO SALVA-VIDAS

- Pronto, Centro de Valorização da Vida do Salva-Vidas – CVVSV. Por favor, seja breve pois nossas linhas estão congestionadas.
- Tô sem vidas pra salvar. Antes tivesse cem vidas pra salvar, tá me entendendo?
- Entendo sim. E como entendo. Você é o décimo sexto que liga hoje. Ontem foram trinta e cinco.
- Ninguém tá precisando ter a vida salva, moça. Mar calmo, banhistas felizes com Sundown 45 besuntado até no cofrinho, nenhum desavisado se debatendo na rebentação. Um tédio. Gosto de viver perigosamente, pra isso escolhi essa vida de salvar a vida dos outros.
- Relaxe, pense que poderia ser pior. E se tivesse que resgatar dez vovôs gordos e sem preparo físico se afogando ao mesmo tempo? Daqueles que levam melancia, torta de sardinha e papagaio pra praia, já pensou?
- Mas pelo menos eu me sentiria útil, ainda que conseguisse salvar um gordo só. Bem ou mal estaria honrando o salário no fim do mês. O duro é ficar tomando sol o dia todo naquela cadeira em cima da escada. Me sinto um usurpador, …