Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Agosto, 2015

VIDENTES TEMEM PELO SEU FUTURO

Quem poderia prever que um dia os videntes, cartomantes, quiromantes e assemelhados comeriam o pão que o diabo amassou? Pois são muitas as evidências do calvário que o pessoal de túnica e turbante vem enfrentando.


Uma bolha de ar, na verdade um defeito de fabricação da bola de cristal, fez uma vidente de Macapá anunciar que uma bomba atômica iria explodir no campo de futebol do Esporte Clube Galo Torto. A distorcida previsão levou pânico desnecessário a milhares de torcedores, que perderam seus ingressos para uma das semifinais do campeonato amapaense, cuja disputa foi interrompida pelo imbróglio.


Esse é apenas um dentre os muitos chabus proféticos ocorridos pela falta de qualidade nos apetrechos mágicos. Um bruxo que não quis se identificar, recém-empossado em cargo de confiança na Pré-Vidência Federal, sustenta que a situação permanecerá indefinida no curto prazo e que só o estabelecimento de normas ISO para os fornecedores poderá resolver de vez a questão. O problema ganha contornos …

DIA DO ENTEADO

Nunca foram tão maus os bocados vividos pelo comércio. Cada porta ainda aberta se vira como pode para não ter que passar o ponto. Ou virar igreja. Com sorte ou persistência se arranja um fundinho de ânimo para prosseguir respirando com a ajuda de aparelhos. 

Vai daí que, de novo, a necessidade vem se revelando a mãe da criatividade. Por meio de pesquisas, descobriu-se um fato surpreendente e até o momento não explorado no calendário promocional: há mais enteados no mundo do que qualquer outra coisa - incluindo aí pai, mãe, avós, irmão, namorado, sogra, cunhado e quem mais se queira elencar como homenageado. 

A razão é simples. De uma obviedade que dá até raiva, e que nos faz perguntar como é que nenhuma associação comercial de não sei de onde nunca pensou nisso antes. Considerando que mais ou menos 90% dos casamentos de hoje acabam em divórcio, divórcio esse que não raro resulta em outro - ou outros - casamentos, é lógico que o número de enteados tende a ser enorme e a crescer absurdame…